IMG_0050

 

Conforme colocado no início de sua gestão, o secretário de Saúde Flávio Scorsatto estará trabalhando pelo atendimento qualificado à população. Para tanto, algumas medidas estão sendo tomadas e alcançar o resultado desejado.
Uma das medidas se deve a preocupação da administração, do secretário e dos profissionais de saúde no combate ao sedentarismo. Para solucionar o problema, um profissional de educação física será contratado, oferecendo aulas gratuitas à população.
O educador Roberto Pretto atenderá pela prefeitura nas segundas e quartas-feiras, dispondo de quatro turmas separadas por idade e horários.
Flávio avalia a educação física como uma terapia que busca a qualidade de vida e o combate ao sedentarismo. Ele convida a população para que procure conhecer as aulas. “Estamos trabalhando com a possibilidade de termos mais profissionais nesta área e disponibilizarmos várias atividades”.
As atividades serão disponibilizadas para crianças até a terceira idade e os interessados devem procurar a secretaria de saúde ou o professor e identificar a turma em que se encaixam. Para contato com a secretaria de saúde o telefone é o (51) 3613.3025 ou pelo (51) 99807.1727 com o professor.

Espera por atendimento em unidade de saúde foi revisto

Ainda no mês passado, muitas pessoas se dirigiam até a unidade de saúde necessitando atendimento, horas antes da mesma estar com suas portas abertas. A necessidade de garantir ficha para atendimento ou a espera pelo transporte da prefeitura motivavam as filas.
Porém, segundo observações da Administração Municipal e relatos da população muitas dessas pessoas sofriam com o frio e chuvas. “Isso é desumano”, avaliou o secretário.
A unidade de saúde abre às 07h45min e muitos vem para o atendimento através do transporte escolar, o qual chega ao munícipio 45 minutos antes. Outros ainda iam ao local duas horas antes.
A situação mobilizou a administração e o secretário para uma conversa em que optou-se pela colocação de um guarda nas dependências da unidade.
Assim, quando alguém chegar antecipadamente ao local, será possível entrar nas dependências da unidade. “Tomamos essa medida pensando exclusivamente no bem-estar da população”, salientou Flávio.